Guia do Iniciante para Search Engine Optimization (SEO)



Guia do Iniciante para Search Engine Optimization (SEO)

Se você é iniciante, você irá aprender tudo que precisa sobre os princípios e beneficios do SEO, o que irá ajudar você a entender como search engines funcionam e como utilizar este conhecimento para receber mais trafego-qualificado para o seu site de graça. Nós iremos lhe mostrar o básico de como planejar a estrutura do seu site, otimização on-page, otimização off-page, investigação de palavras-chave e mais.

Se você é familiar com SEO, também vai encontrar muitas coisas para você aqui. Nas partes finais deste guia nós também iremos discutir como fixar os problemas mais comuns com SEO que você pode encontrar durante a sua jornada. Finalmente nós iremos explicar o básico sobre otimização off-page com profundo focus em link building. Vamos dar inicio!

Este é um extensivo Guia do Iniciante SEO. Tentamos resumir os principais tópicos e dúvidas com relação ao SEO para iniciantes, se você deseja se aprofundar mais sobre um assunto especifico procure pelo termo no Google. Pode também querer dar uma olhada em nosso artigo sobre como “Instalar e Configurar WordPress SEO by Yoast“. O tempo médio de leitura está calculado em 50 minutos!

Índice de Conteúdo

O que é SEO

capitulo1-img

Search Engine Optimization (SEO) é a prática de colocar um site para rankear alto em Search Engine Results Page (SERPs). Quando o usuário digita uma palavra ou frase nos motores de busca, um sofisticado algorítimo retorna todas as páginas relevantes, rankeadas para que apenas o melhor conteúdo apareça no topo dos resultados. Veja esse artigo muito interessante sobre como escrever conteúdo para as pessoas e otimizar para o Google.

Existem diversos fatores que os motores de buscas utilizam para determinar qual página deve ser rankeada como alta para uma busca especifica, incluindo o conteúdo que aparece na página e em outros sites que tenham um link para ele. SEO significa otimizar todos esses fatores para ajudar o site a subir no ranking em motores de buscas populares como o Google.

Por exemplo, para fazer uma página aparecer nos resultados de buscas quando um usuário digita “Guia do Iniciante SEO” ela deveria ter pelo menos:

  • Incluir a Palavra-chave “Guia do Iniciante SEO” no conteúdo, título e descrição da página
  • Ter Links de outros sites que apontam para ele
  • Links Externos que facilitem e ajudem no entendimento das seções e tópicos do seu artigo
  • Links Internos que apontem para tópicos em seu site sobre o tópico relevante
  • O link do Artigo deve conter a palavra-chave
  • Relação do Conteúdo do artigo com o conteúdo do site

Isso emite um alerta para os motores de buscas que a página contém conteúdo relevante e apropriado para ser exibido sobre a palavra-chave especifica.

Um Resumo da História do SEO

resumo-sobre-a-historia-do-seo

O primeiro SEO do mundo, conhecido como Archie, foi criado em 1990 para ajudar pessoas a encontrar informações online. Google seguiu em 1996 e desde então cresceu para se tornar de longe o maior jogador das pesquisas online: 70% de todas as buscas na internet são conduzidas pelo Google.

SEO nasceu quando donos de sites perceberam que eles poderiam receber mais visitantes entendendo como alterar seus sites para rankear mais alto nos resultados de buscas.

Anteriormente as práticas de SEO eram muito primitivas – sites poderiam receber trafego apenas repetindo o mesmo termo de pesquisa várias e várias vezes no conteúdo do artigo ou nas tags HTML. Como os motores de buscas evoluíram, eles se tornaram muito mais sofisticados para dizer a diferença entre SPAM e sites que oferecem conteúdo de qualidade.

Porque o seu site precisa de SEO

porque-o-seu-site-precisa-de-seo

SEO mudou a forma como nós buscamos por informações, produtos ou serviços. Nós escrevemos a busca e recebemos a informação em questão de segundos. Isso significa que o seu site pode ser encontrado por uma audiência especifica. Quanto melhor a visibilidade do seu site, mais alto são as chances do seu negócio ser descoberto por usuários procurando por serviços como o seu.

Estudos sugerem que o primeiro resultado orgânico (o primeiro resultado que aparece abaixo dos ads) no Google pode receber em média 20% dos cliques daquela busca. São muitos visitantes que você pode transformar em clientes!

Literalmente milhares de pessoas ao redor do mundo geram milhões de buscas para as dúvidas mais populares. Por exemplo, se você otimizar uma página ao redor da palavra “SEO” no qual recebe milhares de buscas diárias, então você pode potencialmente ter 20% desses usuários todo mês se você conseguir que sua página fique entre os primeiros resultados no topo do Google – e isso é apenas de um motor de busca.

Google é o motor de busca mais popular, mas trafego através do Yahoo e Bing também pode contribuir para o seu negocio online ser um sucesso.

Implementando SEO em sua estrategia de marketing é a escolha certa, isso significa que as pessoas que você atraí para o seu site são atualmente as pessoas que estão em busca dos seus produtos e serviços.

Você pode utilizar SEO sem ajuda profissional?

voce-pode-fazer-seo-sem-um-profissional

Muitas agencias SEO dizem ter o segredo para colocar o seu site no topo do Google, mas existe atualmente diversos beneficios em manusear o SEO por conta própria.

DIY SEO (Do It Yourself) pode ser uma maneira extremamente efetiva de conseguir trafego, comparado a utilizar uma agencia SEO ou pagando por propaganda para lhe trazer trafego. Você pode iniciar apenas gastando algumas horas por semana em:

  • avaliação de palavra-chave
  • otimizando suas páginas para a palavra-chave atual
  • construindo links
  • criando palavras-chave ricas em conteúdo para o seu site

No entanto, se você não quer contratar um especialista SEO e você não tem tempo para fazer isso por conta própria, uma agencia pode ser uma boa opção – apenas tenha certeza de que você sabe exatamente as técnicas que a agencia está usando para improvisar seu ranking SEO. Você precisa ter certeza que o SEO do seu site está sendo construído ao redor de uma estrategia segura, não um truque barato desenhado para ganhar ranking temporariamente burlando o algorítimo dos motores de busca. Eles irão descobrir e seu conteúdo irá perder MUITO valor.

Principais elementos do SEO

conteudo-principal-do-SEO

SEO involve ambos elementos on-page e off-page. Você vai precisar utilizar ambos para ajudar a sua estrategia a alcançar todo seu potencial.

Elementos On-Page

Estrutura do Site

Estrutura do Site

Elementos estruturais do seu site, como links de uma página a outra, podem afetar o SEO. Search Engines “crawl” (Ação do bot do Google ao ler a sua página ) através dessa estrutura de links para encontrar e indexar páginas. Você precisa estruturar o seu site para que todas as páginas possam ser facilmente encontradas e indexadas pelos “crawlers” (bots dos motores de buscas). Criando um site limpo estruturalmente não irá apenas tornar o seu site mais acessível para os motores de buscas, ele o tornará mais amigável para os usuários finais.

Conteúdo

conteudo

Search engines amam conteúdo original, assim como as pessoas. Ao dizer conteúdo original, nós estamos pensando em o que realmente é unico e não pode ser encontrado em nenhum lugar da internet. Preenchendo seu site com conteúdo atualizado regularmente, incluindo texto, imagens, vídeos, é um dos melhores caminhos para improvisar o SEO.

Palavras-Chave

Palavras-chave

Incluindo palavras-chave em seu conteúdo permite que seu conteúdo seja relevante para as pessoas que estão buscando por elas. Você irá precisar incluir sua palavra-chave naturalmente através do seu conteúdo on-page, incluindo:

  • cabeçalhos (h1,h2,h3,h4)
  • sub cabeçalhos
  • texto em bold
  • listas
  • parágrafos

Lembre-se de não exagerar sobre isso. Exagerando o seu conteúdo com coisas desnecessárias irá fazer seu artigo parecer SPAM. Este tipo de conteúdo pode expulsar seus visitantes do seu site e ainda pior – uma ameaça do ponto de vista SEO.

Meta-tags (tags)

meta-tags

Semelhante a palavra-chave dentro do seu conteúdo, meta-tags definem certo elementos em sua página, assim como imagens e títulos. Incluindo palavras-chave nessas tags é essencial e tem um impacto enorme na performance do SEO em seu site.

Elementos Off-Page

Links

links

Links estão de mão dadas com uma otimização on-page e são uma fundação de boa aparência para o Google. Receber links para seu site de um outro site respeitável do seu nicho, pode ajudar na hora de receber uma melhor exposição. Existem diversas estratégias para construção de links que nós vamos cobrir nos estágios finais deste guia.

Ao utilizar ambas técnicas de SEO on-page e off-page, você pode ajudar o seu site a receber mais visitas orgânicas. No próximo capitulo você irá aprender exatamente como os motores de buscas funcionam.

Search Engines

Como-Funcionam-Search-Engines

Hoje em dia, quando somos inundados com as informações ao redor, os motores de busca nos ajudam a mantê-lo organizado e tornam facilmente disponível.

O que são Search Engines

O que são search engines

Os motores de busca são aplicações que se baseiam em grandes índices de banco de dados de sites para entregar as informações em questão de milissegundos, quando os usuários estão digitando a consulta.

data-centres

Search engines controlam enormes base de dados ao redor do mundo, apesar deles não salvarem todos os sites da internet. Somente o índice de todos os sites são guardados.

google-search-engine

De longe, o Google é um dos Search Engines mais populares, comandando 70% do mercado de todas as consultas. Porem o Google não é o único Search Engine disponível. Existem outros serviços como Bing, que é considerado o segundo mais popular ou Yahoo. Existem também outros grandes jogadores que são muito populares em mercados específicos, como Russian Yandex e Chinese Baidu.

Todos esses Search Engines trabalham de uma maneira similar, no entanto, existe algumas diferenças no algorítimo que é usando para rankear nos resultados de pesquisa.

Como Funciona o Search Engine

Como funciona o Search Engines

Search engines “crawl” vários sites, procurando por páginas que foram recentemente adicionadas ou atualizadas. Eles guardam informações importantes sobre cada página em uma enorme base de dados, assim quando o usuário realizar uma consulta em particular, páginas relevantes serão instantaneamente exibidas.

Ele também tem o papel importante de ordenar os resultados que são entregues aos usuários. Eles utilizam o rank de acordo com a relevância para a consulta e popularidade do site, o que é resultado de diversos outros fatores, onde links estão sendo considerados um dos mais importantes.

Por exemplo, se um usuário procurar por “conselho sobre juros”, então os resultados do topo irão exibir as páginas mais relevantes sobre consulta sobre juros como sites do governo (.gov), como esses são sites autoritativos são uma grande fonte de informação “oficial”.

Para acessar as informações relevantes de uma página, os motores de buscas procuram encontrar as palavras da consulta do usuário na página. Páginas relevantes normalmente irão incluir essas palavras diversas vezes incluindo em cabeçalhos e em tags, junto com outros conteúdos.

Google também personaliza os resultados baseado no usuário e sua localização, então ele retorna resultados relevantes no seu país ou até mesmo cidade em que o usuário se encontra.

Crawling e Indexando

crawling-and-indexing

Para construir seu índice, search engine deve “crawl” toda a internet ao redor do mundo. Os robôs que fazem esse trabalho importante são conhecidos como “Crawler”, spider ou simplesmente – Googlebot.

O crawler do Search engine começa com as páginas mais populares em servidores com muito trafego, e vai seguindo para outras páginas seguindo seus links. Essa é uma das razões porque é muito importante ter links apontando para o seu site, ao invés de deixar suas páginas ficarem isoladas.

Mercado Search Engine

Mercado Search Engine

O SEM (Search Engine Market) é uma ampla expressão. Isto inclui um número de atividades com o objetivo de promover um site e atrair visitantes devido ao aumento de visibilidade nos resultados de buscas. O trafego pode ser grátis (orgânico), gerado através de SEO ou pago, gerado através de campanhas PPC.

semseo-ppc

Uma parte importante do mercado search engine é o search engine optimization (SEO), que envolve no aumento de ranking para um site de forma orgânica. Estratégias de SEO são focadas em construir a autoridade de um site, então ele pode ser considerado como apropriado a ser exibido.

O outro aspecto do mercado search engine é o pay per click (PPC), onde os donos de sites pagam para exibir links de seus sites no topo dos resultados de buscas, acima dos links orgânicos.

No Google, links pagos são destacados com um modelo de resultado de pesquisa pago, e são muito bem destacados dos resultados orgânicos que aparecem abaixo. Muitos donos de sites utilizam uma mistura de ambos SEO e PPC para promover seus sites.

Porque Search Engine é Tão Popular

sem-popular

O mercado search engine é muito popular com donos de sites, que usam isso para trazer mais trafego para seus sites. É considerado um dos metodos mais eficientes para estar de frente com seus novos consumidores em uma demanda especifica. Graças a palavra-chave é muito fácil de alcançá-los, como digitar uma consulta especifica para um produto ou serviço. Em outras palavras – o mercado search engine permite que você fique de frente a demanda atual do mercado.

marketing-funnel

Esse trafego pode ser convertido em consumidores de seus produtos, aumentando a receita da empresa. Mercado Search Engine também aumenta a visibilidade de sua marca, o que pode levar no aumento de receita no futuro.

Comparado a outros tipos de mercados, o mercado search engine, particularmente SEO, pode ser muito custo-efetivo. Ao utilizar as dicas desse guia, você pode otimizar seu site para torná-lo mais visível nos motores de buscas sem precisar fazer um alto investimento.

Como Iniciar Sua Primeira Campanha SEO

Como começar a sua campanha seo

Nunca é tarde demais para começar a utilizar SEO como parte da estratégia de marketing. As coisas mudaram tanto no mundo da tecnologia, mas os princípios de SEO em grande maioria continuam os mesmos. Você pode ter uma vantagem iniciando agora, ao invés de outros negocios que continuam operando de um modo antigo. Este guia vai lhe introduzir aos seus objetivos, ferramentas e estratégias de como lançar a sua estrategia na campanha SEO. Até onde você vai, depende totalmente de você e o que deseja alcançar.

Como Funciona o SEO

Como Funciona o SEO

Em nosso mundo mobile, pessoas normalmente clicam nos primeiros resultados de qualquer busca. Rankear no topo dos resultados de buscas (SERP) pode ser a diferença entre ser encontrado ou esquecido. Tecnicas SEO cobrem todas as mudanças e improvisamentos que você pode fazer em seu site para ajudar o seu site a ser encontrado mais facilmente e transformar visitantes em consumidores.

Enquanto a internet trouxe pessoas que nunca se conheceriam, muitas pessoas continuam frustadas tentando encontrar o que eles precisam online. Os engenheiros que construíram o algoritmo do search engine estão sempre refinando a programação para entender melhor o que as pessoas realmente querem comparado com o que eles estão procurando.

Isso torna o SEO um processo sem fim enquanto empresas tentam dar ao algorítimo o que ele precisa para aumentar o ranking para um termo especifico. A competição global está aumentando, linguagens estão sendo alteradas todo o tempo e buscas em aparelhos mobile estão se tornando o novo “normal”. Tudo isso adicionado ao fato que para ser encontrado está cada vez mais difícil, uma estratégia de SEO é a resposta.

Benefícios de Improvisar o Seu SEO

Beneficios do SEO

  1. Melhor experiência do usuário – Ao simplificar a navegação e a linha de usabilidade, visitantes do site poderão encontrar o que eles querem mais rápido. Isso aumenta as taxas de conversão, que leva ao segundo improvisamento.
  2. Qualificado ROI para o seu site –  As empresas têm tratado a publicidade como um custo afundado, porque ninguém foi capaz de controlar a forma como ela foi eficaz em comparação com a palavra da boca e encaminhamento de tráfego. Com a análise do site, você pode ver onde seu dinheiro está indo e quanto de um impacto na receita as alterações podem fazer. (ROI – Retorno de Investimento)
  3. Forte posição no mercado – A reputação da marca é medida por quão bem conhecido você é e como as pessoas se sentem sobre a sua empresa. Fazer com que os clientes se sintam bem vindos em seu site e torná-lo mais fácil para eles encontrarem o que precisam é melhorar a sua reputação e menção social em toda a internet.
  4. Mais trafego alvo  Bounces não ajudam ninguém. Quando alguém clica no seu site e sai fora, nem você ou o usuário tem o que quer. SEO melhora a sua taxa de conversão junto com sua reputação como autoridade em seu campo. Quando suas palavras-chave, titulo e meta-tags e imagens estão coordenadas em um especifico tópico, buscadores irão encontrar o seu site útil e atraente.
  5. Melhor exposição de marca  Um dos melhores aspectos de uma presença online para uma pequena empresa é que ele aumenta a sua exposição e termos de sua marca. Empresas que não podem pagar por uma loja em um shopping ou em um local bom para os negócios,  e até mesmo outdoors nas melhores ruas sempre terão seus consumidores e redes sociais ao seu favor quando se tem uma boa estratégia de SEO para a sua marca.

Liderando Métricas SEO

Liderando Métricas SEO

A pergunta que todo homem de negócios quer realmente saber é como saber se sua estratégia de mercado esta funcionando. Embora cada empresa tenha métricas especificas com base nas metas que eles estão tentando alcançar, aqui estão algumas das métricas mais comuns que são controlados por mudanças mês a mês.

  • Search engine ranking – Onde seu site depende de palavras-chave especificas
  • Taxa de conversão – O percentual total de seus visitantes que praticam uma ação especifica, como registrar com uma conta ou assinar sua newsletter.
  • Trafego orgânico – O número de visitantes que chegam ao seu site com base em resultados de pesquisa e outras fontes não-remuneradas.
  • Valor médio de compra – Valor médio em reais consumido pelos seus clientes em sua empresa.

Ferramentas SEO Gratuitas

Ferramentas SEO Gratuitas

Agora que você sabe o que está procurando, você precisa de algumas ferramentas que irão coletar e apresentar essas informações. Essas são o básico absoluto em termos de SEO e são todas grátis.

  • Google Analytics – A ferramenta de analise gratuita do Google é o lugar para começar a descobrir como os visitantes do seu site estão encontrando você e onde você está no mercado. Tem um ótimo artigo que conta tudo sobre o Google Analytics que você precisa saber.
  • Google Webmaster Tools – Enquanto Analytics incide sobre o tráfego do site, palavras-chave e os visitantes, Webmaster Tools irá ajudá-lo a fazer os ajustes de acordo com a forma como os algoritmos do Google classificam o seu site.
  • Bing Webmaster Tools – Bing da Microsoft capta 16% do mercado de buscas em comparação com 67% do Google, mas isso pode mudar rapidamente e seu público-alvo pode preferir o Bing. Vale a pena fazer uma pesquisa e cobrir todas as suas bases.
  • KWFinder – Uma das melhores ferramentas para encontrar palavras-chave no mercado. Ela é bastante intuitiva e exibe várias informações importantes sobre cada palavra-chave. Além de sugerir outras que tenham significado semelhante. É gratuito até uma certa quantidade de palavras-chave.

Além dessas ferramentas você pode querer dar uma olhada nessa lista com 41 Plugins WordPress Grátis para Seu Site.

Básico da Estratégia SEO

Basico da Estrategia SEO

Todos estão tentando rankear no topo das buscas em sua industria, então sempre vão existir alguns vencedores e outros que correrão. A diferença esta na estratégia. SEO faz parte de um grande campo conhecido como Marketing de Conteúdo e esses dois precisam estar em alinhamento para fazer sua boa impressão no mercado. Os componentes principais da sua estratégia de marketing são:

  • Selecionar palavras-chave que são relevantes nas buscas e para o seu negocio
  • Escrever títulos e meta tags que são informativos para os consumidores e relacionado aos objetivos do seu negocio.
  • Construir um site limpo para navegação que corre de uma página a outra, levando ao funil de conversão.
  • Publicando conteúdo que é rico com informações originais, videos e imagens de qualidade.
  • Estabelecendo um conexão com sites autoritativos em seu nicho.
  • Aumentar as menções de sua empresa nas redes sociais.

O Final de um Começo

Sua jornada para rankear melhor, ter mais visitantes, altas conversões e aumento de exposição da sua marca começa agora. As coisas mudam rápido no mundo do SEO, então tenha certeza que todas as suas informações estejam atualizadas.

On-Page SEO

on-page-optimization

Se você quer que seus visitantes encontrem seu site facilmente, você precisa ter atenção nos fatores SEO On-Page, assim como design da página, conteúdo e palavras-chave. Os search engines mais populares da internet, Google e Bing, ambos publicam guias webmaster para ajudar donos de sites a produzir conteúdo de qualidade que é facilmente encontrado por search engines.

Guia de Conteúdo

Guia de Conteúdo

O Guia de Conteúdo Webmaster do Google contém várias dicas para improvisar o SEO On-Page. O search engine mais popular do mundo enfatiza a importancia de criar sites de qualidade, ao invés de utilizar truques e hacks de SEO. De acordo com o Google, sites que são ricos em informações ricas são rankeados rapidamente. O guia de conteúdo do Bing também encoraja o preenchimento de conteúdo de alta qualidade além de propaganda e links de afiliados.

Como Criar Conteúdo de Qualidade

Criando Conteúdo de Qualidade

Conteúdo de qualidade é original e fácil de ler por visitantes humanos. Do ponto de vista SEO, deve conter palavras-chave relevantes com uma densidade certa. Suas palavras-chave devem aparecer em títulos e subtítulos, assim como no conteúdo principal do seu artigo, mas como dito antes – elas não devem estar em todas as sentenças.

Como Manter a Qualidade do Conteúdo

Para manter a qualidade das suas páginas em alta, o Google aconselha monitora-las assim você pode remover qualquer SPAM gerado por comentários assim que ele aparecer. Você pode prevenir os usuários de deixarem comentários com links para os seus sites desativando o HTML em comentários, ou você pode exigir que os usuários se registrem antes de permitir o comentário.

Guia Técnico

Guia Tecnico

Você também precisa ter certeza que todos os detalhes técnicos do seu site estão corretos. Remova links quebrados (404), e tenha certeza que todas as tags HTML do seu site estão formatadas corretamente. Um pequeno erro de formatação, assim como esquecer o fechamento de tags HTML com “/>” pode previnir que um crawler dos search engines não leiam todo o texto do seu site.

Utilize Texto Para Exibir Informação

Enquanto imagens, vídeos e elementos interativos sejam fantásticos na apelação visual dos visitantes humanos, os crawlers do Google/Bing permanecem apenas com textos para encontrar a informação existente em uma página web.

Então informações escritas sempre devem ser inclusas, pois palavras em imagens e vídeos não podem ser reconhecidas pelos crawlers. Você também deve utilizar o atributo ALT em suas imagens para descrever sobre o que se trata, dessa forma os crawlers podem ler o seu conteúdo e entender sobre o que se trata a imagem.

De acordo com o guia webmaster do Google, uma boa dica é utilizar um navegador em texto, como Lynx para verificar como o conteúdo do seu site está sendo lido pelos crawlers do Google. Este tipo de navegador remove todo o conteúdo visual deixando apenas os textos, exatamente o que interessa para os crawler.

Guia Webmaster Bing

Guia Webmaster Bing

O Guia Webmaster do Bing é bastante similar aos termos do Google ao encorajar conteúdo de qualidade. Bing também informa que criar páginas com conteúdo rico e relevante, é uma boa maneira de alcançar um alto ranking, ao invés de, utilizar apenas propaganda e links de afiliados.

Tempo de Carregamento de Página (Page Load Speed)

Ambos, Google e Bing informam aos webmaster para manter o tempo de download de uma página o mais baixo possível. Bing explica que sites muito lentos diminuem a satisfação dos usuários e podem afetar como o algorítimo analisa a sua página em relação ao ranking. Se recursos especiais estão a abrandar o seu site, tente simplificar as páginas principais para apenas o essencial e melhorar a experiência dos seus clientes.

Código de Status

Bing e Google também afirma aos webmaster para manterem um controle de suas páginas através do código de status. Atualmente, eles encorajam a utilizar redirecionamento 301 quando você precisa mover um conteúdo para uma página nova. Dessa forma eles serão redirecionados do artigo recente para a URL atual. Tenha certeza que as “páginas não encontradas” em seu site retornem uma página de erro 404 e não o erro 200, para prevenir que essa página seja indexada.

Cloaking

Tanto Google como Bing são muito claros com relação a prática de links “camuflados”, e devem ser evitados. Cloaking significa exibir uma versão do seu site para os crawler e outra diferente para os usuários. Mesmo sabendo que pode ser tentandor exibir uma página com conteúdo diferente para os crawlers, saiba que o seu site pode ser severamente penalizado e desindexado completamente dos search engines por não seguir suas práticas de SEO.

Cloaking nunca deveria ser necessário. Tanto o Google e Bing estão ficando melhor e melhor para identificar sites que oferecem valor aos seus usuários. Se você se concentrar na criação de páginas que apela para os visitantes e dar-lhes a informação de que precisa, então você deve aproveitar o sucesso com ambos motores de busca. (e você pode sentir aquele gostinho de vitória em suas mãos)

Pesquisa de Palavras-chave

Palavras Chave

O “Porquê” e “Como” das Palavras-chave

Enquanto você inicia seu caminho no mundo do SEO, você irá ouvir muitos zumbidos sobre o assunto e como otimizar seu conteúdo. Então, porquê as palavras-chave são uma parte integral do SEO?

Basta colocar – palavras-chave, e a forma como eles se relacionam com os motores de busca, são palavras e frases que correspondem a consultas de pesquisa que as pessoas digitam quando se olha para uma determinada informação. O que isso realmente significa para você como um comerciante ou simplesmente um webmaster, que pretende obter mais tráfego para seu site?

Vamos voltar a campanhas pagas nesse momento. Se você sabe o que as pessoas estão procurando e você é capaz de atender a essa necessidade específica neste momento particular – então temos uma situação de ganhar-ganhar. Além disso, você é capaz de dizer onde eles estão olhando ou se eles estão prontos para uma compra. Frases digitadas na caixa de busca ajuda a entender a intenção do usuário muito bem, por exemplo:

  • Camisas Google São Paulo – você pode facilmente dizer, que está pessoa está a procura de uma camisa da Google em São Paulo.
  • Comprar Camisas Baratas – aqui, você identifica a intenção de compra do cliente
  • Revisão do Iphone 6 – esta frase, por exemplo, mostra que a pessoa está fazendo uma pesquisa sobre um produto, mas não necessariamente é para comprá-lo.

Como você pode ver, é essencial otimizar o conteúdo do seu site com as palavras-chave corretas, assim as pessoas poderão encontrar o que estão procurando. E como isso pode ser alcançado? Ora, seja muito bem vindo ao mundo de Pesquisa de Palavras-chave. (ou em inglês, keyword research)

Ferramenta de Palavra-chave do Google (Google Keyword Tool)

google-keyword-panner

O planejador de palavra-chave do Google é tipicamente a primeira ferramenta usada pelos webmasters para definir o que os usuários estão buscando. Na sua forma simples, essa ferramenta fornece informação individual para palavras-chave, juntamente com uma estimativa da frequência das buscas.

Estimativa de Palavra-chave

A ferramenta também dá aos pesquisadores uma indicação de palavras-chave relacionadas com a consulta de pesquisa principal.

Grupos de Palavra-chave

Os pesquisadores também podem olhar para os resultados de cada país, regiões e idiomas específicos.

Segmentacao por pais

A ferramenta de palavras-chave do Google ajuda comerciantes a responderem a pergunta “o que as pessoas estão procurando?”. Embora a ferramenta de palavras-chave esteja disponível na conta do Google AdWords, que pretende ser uma solução paga, você pode acessá-lo e usá-lo sem nenhum custo adicional.

Google Trends

A ferramenta Google Trends olha para as mesmas buscas de palavras-chave em um contexto diferente. A ferramenta é projetada para permitir que os comerciantes e os pesquisadores saibam que tipo de interesses estão subindo e / ou caindo em popularidade. Em alguns casos, pode haver relativamente algumas pesquisas que não tenham muitos dados relatados pela ferramenta de palavras-chave; no entanto, pode aparecer no relatório de tendência devido aos interesses dos usuários de internet.

A ferramenta Google Trends também fornece informações sobre diferentes gêneros de pesquisas. Por exemplo, os pesquisadores podem descobrir que tipos de pesquisas estão subindo e/ou caindo em popularidade no YouTube, Google News e Google Images. Embora a informação ainda esteja no contexto da tendência, ao invés dos números exatos de pesquisas de palavras-chave, ainda é útil para determinar que tipo de assunto vale a pena discutir os esforços de criação de conteúdo.

Ferramenta Webmaster Bing (Bing Webmaster Tools)

bing-webmaster-tools-logo

Quando se trata de motores de busca, o Google não é o único jogador na cidade. Os internautas podem também optar por Bing ou Yahoo (recomendado). Ferramentas para webmasters do Bing fornece dados de pesquisa de palavras-chave e de volume para consultas no motor de busca Bing. Embora não seja tão amplamente utilizado como Google, Bing ainda tem boas informações sobre como os consumidores e as empresas estão usando o motor de busca. Os profissionais de marketing podem e devem usar esta informação para confirmar o seu conteúdo e estratégias de SEO, como as tendências tendem a ser semelhantes entre o Google e Bing.

Pesquisas Sugeridas (Suggested Searches)

Guia do Iniciante SEO

Tanto o Google e Bing proporcionam funções de busca para seus usuários, que também dão aos comerciantes alguma pista sobre quais os tipos de consultas de rotina estão sendo conduzidas. Quando os usuários digitam nos começos de palavras e frases, Google e Bing tentará fornecer sugestões para que a frase inteira não precise ser digitada.

google-related-searches

Estas frases são escolhidas a partir de pesquisas realizadas por usuários reais em visitas anteriores aos motores de busca. Olhando para estas sugestões é uma excelente maneira de determinar os interesses em tempo real de usuários de Internet em nichos e mercados para determinadas palavras-chave.

Campanhas Pay Per Click

Porque Pay Per Click (PPC) campanhas são pagas pelos anunciantes, sua presença geralmente indica que há atividade entre pesquisadores e usuários para uma determinada palavra-chave. Com campanhas de PPC, você pode testar a eficácia de diferentes palavras-chave; tanto que, quando não há anúncios presentes para uma determinada pesquisa, é uma indicação de que os compradores não usam essa consulta de pesquisa.

Atualmente, o Google não fornece uma informação sobre as palavras-chave que fazem os usuários chegarem ao seu site, mas esta regra não se aplica às campanhas pagas, onde as palavras-chave utilizadas e as frases reais estão facilmente disponíveis.

not-provided

Os comerciantes devem cuidadosamente direcionar as palavras-chave que são mais utilizadas pelos anunciantes. Criação de conteúdo SEO para uma palavra-chave que não vai ajudá-lo a encontrar compradores é um desperdício de recursos.

Atividade Concorrente

Como é o caso com as campanhas de PPC, atividade concorrente pode ser uma indicação de que um interesse do mercado foi encontrado e está sendo explorada. Enquanto a ciência deste método não é tão objetivo, os profissionais de marketing SEO precisam manter o olho em seus concorrentes e seus clientes. Quando um concorrente cria uma presença em uma área anteriormente intocada, a nova atividade deve ser analisada usando as ferramentas objetivas mencionadas acima.

Necessidade de Pesquisar por Palavras-chave

As empresas devem maximizar o seu tempo e recursos, concentrando-se nos ângulos de marketing na web que levarão ao lucro. Tendo dúvidas sobre onde investir recursos de marketing custa dinheiro, porque as empresas perdem a oportunidade de direcionar as palavras-chave mais eficazes. Os profissionais de marketing precisam usar os dados fornecidos pelas ferramentas para orientar a sua estratégia de SEO.

Como Realizar Pesquisa de Palavra-chave

Realizar Pesquisa de Palavra-chave

Agora quevocê sabe o básico de pesquisa e ferramentas que você pode usar gratuitamente para encontrar palavras-chave, vamos aprofundar a análise de palavras-chave. Há alguns indicadores que podem lhe dizer, quais palavras-chave são adequadas para você. A pesquisa pode ser demorada, mas se executada corretamente irá ajudá-lo a alcançar resultados duradouros.

Em geral, há quatro aspectos que a sua estratégia deve incluir:

  • O uso de palavras-chave de cauda longa (Long Tail SEO)
  • Medindo dificuldade da palavra-chave
  • Determinar a intenção de palavras-chave
  • Segmentação de palavras-chave

Long Tail SEO

seo-long-tail-keywords

Quanto mais conhecimento um cliente tem sobre o que eles estão procurando, mais palavras tendem a usar em sua pesquisa. Isso normalmente é uma indicação de que eles estão procurando o lugar certo para encontrar um acessório do modelo do produto, característica do produto ou produto em particular.

É importante garantir que o seu site tenha páginas que os novos usuários do site podem encontrar facilmente nesta fase em seu processo de compra. Enquanto não haverá tantas pessoas que usam esses termos (máquina de lavar colorida) como termos mais gerais (máquina de lavar), aqueles que procuram nesta fase são mais graves e mais perto de fazer uma compra, e vale a pena o esforço para capturar.

Volumes de Pesquisa de Palavras-chave

keyword-volume

O comprimento da frase está intimamente relacionado com o volume de tráfego que pode trazer para o seu site. A regra é simples:

  • Quanto mais comum, mais buscas são feitas e mais trafego você pode receber.
  • Quanto menor a frase, menor o trafego, mas mais relevante.

Qual é o melhor? É altamente dependente da sua estratégia. Frases mais longas não traz tanto tráfego como termos mais gerais, mas são extremamente segmentado e, provavelmente, vai lhe trazer as mais altas taxas de conversão. Frases mais curtas trazem os visitantes das mais variadas plataformas, mas sem uma intenção clara. A melhor maneira é misturar-se nas proporções.

Dificuldade da Palavra-chave

keyword-difficulty

A questão principal para os comerciantes em relação a palavras-chave de cauda longa (long tail)  é o nível de dificuldade na obtenção de um site classificado para um mandato de determinada palavra-chave.

Em geral, as palavras-chave mais longas de cauda são mais fáceis de obter classificação para entre os 10 melhores sites do que os termos gerais. Na maioria dos casos, um negócio ou um comerciante vai escolher uma palavra-chave com mais cauda para atingir o que tem menos visitantes e pesquisadores do que um termo geral. A competição não será tão alta quanto seria para essas palavras-chave com maior número de visitantes e de pesquisas.

Portanto, deve haver um esforço contínuo para distinguir entre os termos que são altamente competitivos e aqueles que são minimamente competitivo.

Intenção de Palavra-chave

Intencao de palavra-chave

Como os recursos são limitados e você só vai ser capaz de atacar um número finito de palavras-chave, mercados e/ou nichos com sua campanha de busca, tente se concentrar o máximo possível sobre as palavras-chave que indicam que alguém quer fazer uma compra. Algumas palavras-chave de cauda longa vão realmente soletrar compradores com intenção e são bastante populares entre os usuários.

Segmentação de Palavra-chave Inteligente

keyword-targeting

Como acontece com qualquer tipo de estratégia de marketing, você deve sempre se esforçar para ser o mais eficiente possível. Certifique-se de que seu site tem como alvo palavras-chave que trazem o ROI (Retorno Sobre Investimento, Return of Investment, em inglês) máximo de seus esforços de marketing de conteúdo. Tradução? Pesquisa de palavras-chave nunca termina, porque o seu site e a indústria está sempre evoluindo, além de que os motores de busca estão sempre mudando como coletar dados de palavras-chave no conteúdo do seu site.

Algumas palavras-chave, independentemente de como eles são fáceis de classificar para a quantidade de tráfego que pode trazer, pode ser menor em prioridade para o direcionamento do que aqueles que trazem retornos rapidamente.

Como Preparar Conteúdo Para o Seu Site

website-content

Você gastou uma quantidade considerável de tempo para entender o seu mercado e as perguntas que seus clientes normalmente fazem. Você, então, pegou esse conhecimento para condensá-lo em um artigo em seu blog. No entanto, existem alguns passos a mais que devem ir para o conteúdo do site para ter certeza de que ele é capaz de influenciar os potenciais compradores. Maximize seus esforços por reescrever o seu conteúdo com esses cinco elementos básicos em mente.

Antes de você apertar o botão “Publicar”, certifique-se que esses cinco fatores foram abordados:

  • Conteúdo SEO-friendly (amigável)
  • Conteúdo Duplicado
  • Rich Snippets
  • Plugins Sociais
  • Links Internos

Juntos, eles afetam o quão fácil é ou não para seus clientes/usuários encontrarem seu conteúdo.

Lembre-se que seu blog também é um negócio. Só que ao invés de compradores (ou não) você tem visitantes, assinantes e fãs.

Conteúdo Amigável ao SEO

Conteúdo Amigável ao SEO

Cada post ou artigo do criador de conteúdo deve ser SEO-friendly. Período. Mas o que isso significa realmente. Além das informações que você gostaria de apresentar para o seu público o seu conteúdo deve ser devidamente preparado a partir do ponto de vista técnico.

Comprimento de conteúdo

Mensagens devem ser de comprimento suficiente, a fim de explicar a fundo o tema. ele deve conter cerca de 650 palavras pelo menos. Como um criador de conteúdo você não deve adicionar conteúdo apenas por uma questão de adicioná-lo. Descoberta de conteúdo é uma coisa, mas se ele vai atrair o seu leitor e construir a confiança em torno de seu projeto – que é uma coisa totalmente diferente. Lembre-se – no final do dia o seu conteúdo será lido por um povo de verdade.

Título

Além disso, o conteúdo deve ser intitulado para que os interessados no assunto possam encontrá-lo. O assunto do post deve ser algo que as pessoas estão realmente buscando respostas para, através de fóruns, mídias sociais ou uma barra de pesquisa.

Palavras-chave devem estar no título, bem como, naturalmente, todo o restante do texto. A fim de tornar o conteúdo muito natural e de fácil leitura para os seus leitores tente não exagerar a otimização on-page. Sinta-se livre para usar palavras-chave semelhantes, sinônimos e outras variações. Eles são conhecidos como palavras-chave secundárias. Quando estas outras palavras são usadas, robôs do Search Engine sabem que o conteúdo é potencialmente relevante.

Conteúdo Duplicado

duplicated-content

O conteúdo não deve aparecer em outro lugar na Internet. Deve ser original. Não há problema em ter referência a outras idéias; mas usando conteúdos de outras pessoas pode lhe trazer problemas.

Webmasters e criadores de conteúdo podem ser penalizados se o conteúdo duplicado é encontrado em seu site. A fim de evitar este tipo de situações, você pode facilmente aprender como utilizar as tags canônicas.

Rich Snippets

rich-snippets

Os motores de busca dão aos Webmasters e criadores de conteúdo a oportunidade de adicionar elementos especiais com a aparência de seus sites nos resultados de busca. Por exemplo, os restaurantes podem adicionar código para os seus sites para mostrar uma foto de seu negócio ou um mapa ao lado de suas listas de resultados de pesquisa.

Isto torna mais fácil para aqueles que podem não saber exatamente aonde estão indo, juntamente com a geração de maior interesse no seu resultado do que em outros que apenas exibem textos. Estes elementos codificados são chamados de “rich snippets”, e eles são importantes na forma como os motores de busca irá determinar quais as páginas de sites irá exibir para consultas.

Plugins Sociais

Plugins Sociais

Sinais sociais, ou a taxa em que há atividade como comentar, gostar e partilhar, embora haja muita discussão sobre isso, não conta como um sinal de ranking. No entanto, você deve sempre ter em mente que, se o seu conteúdo vai ser bom o suficiente, os leitores vão ser mais propensos a compartilhá-lo com outras pessoas. Essa é uma grande oportunidade de obter mais tráfego, então você não deve fazer com que seja difícil para os seus leitores compartilhar o seu conteúdo.

Enquanto a atividade social é boa por seus próprios méritos, os criadores de conteúdo não devem deixar passar a oportunidade de obter exposição adicional em plataformas de mídia social.

Links Internos

Links Internos

Os Links Internos indicam a importância do seu conteúdo, em comparação com outras páginas da web em seu site. Principais conceitos, produtos e serviços, quando discutimos, devem ser destacadas com hyperlinks e redirecionar os leitores para outros recursos relacionados em seu site.

Este elemento é rotineiramente encontrado no conteúdo que os leitores acham útil. É o tipo de característica que os motores de busca consideram digno do tempo dos seus visitantes.

Preparando Conteúdo

Preparando Conteúdo

É claro, não há nenhum substituto para conteúdo relevante. Tenha certeza que o seu site está direcionando os usuários para o conteúdo que atende suas necessidades. Os 5 elementos discutidos podem fazer o conteúdo fácil de descobrir, do esforço ao que importa, eles devem ser diretos e ricos em informações, conteúdo relevante.

Marketing de Conteúdo

Marketing de Conteúdo

Marketing de conteúdo é uma frase que você provavelmente já ouviu falar um monte de vezes. SEO e marketing de conteúdo são os dois lados da mesma moeda. Otimização com palavras-chave específicas pode fazer o seu conteúdo a ser descoberto, mas o próprio conteúdo real é responsável por envolver o visitante.

Marketing de conteúdo envolve o uso de muitas formas além do texto, como formatos de áudio (arquivos MP3 e podcasts), vídeos (no site ou em sites de compartilhamento sociais, como o YouTube), apresentações (hospedadas em sites como Slideshare.com) ou gráficos (como infográficos ). Se você estiver criando um artigo abordando problemas específicos de outras pessoas de uma forma atraente – você está usando marketing de conteúdo.

Ele requer três fases distintas a serem executadas de forma eficaz:

  • planejamento de conteúdo
  • criação de conteúdo
  • promoção de conteúdo

Planejamento de Conteúdo

marketing de conteudo

Planejamento de conteúdo é o processo de responder a algumas perguntas durante a concepção de uma campanha de marketing.

  • Qual é a finalidade de seu conteúdo?
  • Quem é o seu público-alvo?
  • Qual é o seu objetivo?
  • Que tipo de conteúdo poderia envolver os seus visitantes?

SEO é considerado como uma estratégia de longo prazo, por isso deve ser seu conteúdo. É uma boa prática para preparar um calendário de publicação, para que possa atrair o seu público por um longo período de tempo.

Criação de Conteúdo

Criando Conteudo

Uma vez que você tem um mapa básico para o seu conteúdo, é hora de criar um. Independentemente do que formam o conteúdo preciso, é muito importante entender com o que o público está preocupado e quais os problemas que eles querem resolver.

Em alguns casos, isso vai fazer sentido para contratar ou colaborar com especialistas em conteúdo, como ghostwriters, redatores e criadores de vídeo para produzi-lo. Em outros casos, pode fazer sentido manter todo o processo em casa.

Independentemente disso, se você é responsável pela criação do artigo real, roteiro ou esquema, você deve ser um especialista no assunto que está sendo discutido. Isso irá ajudá-lo a construir sua marca pessoal e posar como uma autoridade no seu nicho.

Ao criar o conteúdo real, você tem que manter dois fatores adicionais em mente – qualidade e atratividade. As pessoas lêem os artigos de forma diferente na Internet. A tendência é que eles naveguem através de títulos até encontrar a necessidade que precisa.

Tente fornecer uma estrutura clara com manchetes, sub-cabeçalhos, listas e negritos nas seções mais importantes de seu conteúdo. Isso ajudará a melhorar a sua experiência de leitores tornando as informações que eles estão procurando muito mais fácil de encontrar.

Quanto à atratividade – ninguém gosta de ler coisas chatas, né? Tente fazer o seu conteúdo um pouco mais vivo – use imagens, exemplos, vídeos para ilustrar melhor as informações e fazer o seu conteúdo memorável.

Otimizando Conteúdo Para Search Engines

Conteudo de Sucesso

Nós discutimos a importância da criação de conteúdo que aborda os problemas que seus leitores querem resolver. No entanto, você também precisa deixar o seu público saber que existe este conteúdo. Caso contrário, é como a construção de um complexo de apartamentos de luxo, sem dizer ao público que as unidades estão disponíveis para locação.

SEO tem como objetivo dar a sua visibilidade de conteúdo, tornando-o mais fácil de encontrar através dos motores de busca. Como cobertura anterior, a pesquisa de palavras-chave desempenha um papel importante neste processo, uma vez que você quiser que seu site seja lembrado de acordo com as palavras-chave mais populares em seu nicho. Além disso, ele lhe dá uma ideia do tipo de pesquisa que são mais populares com base no número de buscas mensais.

Promovendo Conteúdo

Promovendo Conteudo

Bom conteúdo é suficiente para atrair o tráfego dos motores de busca. Bem, não exatamente. Apesar de o conteúdo em si, na verdade, promove o negócio, que exige para ser promovido. Infelizmente, quando um bom conteúdo é criado, ele não aparece magicamente na frente dos usuários de internet para resolver seu problema.

Os rankings mais altos para uma determinada palavra-chave não são construídas em um dia. Como dissemos antes e vamos abordar nos próximos capítulos deste guia, eles são afetados pelo número de backlinks que a sua página web recebe de outros sites de boa reputação. Você pode imaginar esses backlinks como votos para com o seu conteúdo. Quanto mais votos ele recebe, mais visível será.

Assim, o conteúdo deve ser compartilhado por todos os canais de mídia social disponíveis, bem como as comunidades dentro de um nicho específico. Ele vai ajudar você a ganhar o máximo de visibilidade para que os outros tenham a chance de lê-lo e, talvez, utilizar ele como referência em algum trabalho/artigo.

Enquanto a criação de conteúdo permite uma grande liberdade na forma como ele é implementado, as maneiras que você pode promover o seu trabalho é bastante limitado. É difícil criar uma excelente peça e receber backlinks manualmente. Felizmente, existem maneiras de conseguir isso.

Off-Page SEO

off-page-seo-link-building

Google e outros motores de busca classificam as páginas de acordo com a utilidade que acham que cada resultado terá para a pesquisa. Parte dessa avaliação envolve a relevância de cada página retornada – quão de perto o conteúdo corresponde a consulta da pesquisa que foi digitada.

O outro fator que desempenha no ranking de uma determinada página é a sua popularidade. Os motores de busca classificam as páginas mais populares com ranks altos, como sites populares têm maior probabilidade de corresponder ao que o usuário está procurando.

Sinais de Link: Como os motores de busca Avaliam popularidade

link-signals

SEO como um campo de estudo é muito bem documentado para todos os anos em que os motores de busca estão disponíveis. Ao longo dos anos, um dos elementos de sites de alto escalão tem se mantido consistente: o número de alta qualidade e as ligações com autoridades.

Por links de Entrada

Vamos enquadrar isso em termos de mídia social. Em sua linha do tempo do Facebook, você vai perceber que as histórias com uma maior concentração de “likes” ficam mais acima da timeline. Isto é, em parte, como o algoritmo do Facebook determina qual o conteúdo é o mais valioso.

Em outras palavras, pensar em um link de entrada como um voto para o seu site. Claro, o algoritmo de um motor de busca vai além de apenas um grande número de ligações de entrada. Estas ligações de entrada tem que ser confiável e autoritário. Por exemplo, se um monte de sites de autoridade vincular um conteúdo relevante em seu site, uma parte dessa “autoridade” é transferida para o seu site.

Em suma, esses sites estão legitimando seu site apenas por links para seu conteúdo. Qual é o resultado? Seu conteúdo é visto como autoridade em um assunto ou palavra-chave e tem boas chances de aparecer na primeira página do seu motor de busca desejado.

O Problema com o Links

As ligações de entrada são valiosas, mas também podem representar um problema – principalmente quem depende de ligações de entrada externas e só deixa a classificação do seu site nas mãos de um outro site. Por exemplo, se não há ligação de sites confiáveis para o seu, suas chances de classificação na primeira página do Google são quase nulas – independentemente da qualidade de sua marca digital.

Nenhuma empresa pode ou deve deixar isso ao acaso. Para assumir o controle, empresas ou contratam um profissional ou uma agência que pode ajudá-los a construir autoridade por meio de um processo chamado link building. É claro que você também pode construir links por si mesmo.

Você tem que ter em mente, que a construção da ligação é tratada como um caminho natural para ganhar maior visibilidade no Google. Felizmente, existem muitos métodos para promover o seu trabalho e onde as ligações podem ser um bom complemento para o seu esforço.

Básico sobre Link Building

Basico Link Building

Se você não seguir as regras do Link Building da maneira correta, o seu esforço pode sair pela culatra. Antes de falarmos sobre como obtê-lo bem, vamos examinar rapidamente uma lista de alerta das estratégias de construção da ligação que irá prejudicar, ao invés de ajudar, o seu site.

  • Esquemas de troca de links costumava ser uma forma popular de construção de links. Webmasters iria publicar links para outros sites em troca de links para seu próprio site. Recentes atualizações do algoritmo do Google penalizam esses tipos de esquemas de links.
  • A compra de links – embora as ligações de compra pode dar resultados imediatos, pode ser um caminho muito curto para fazer o seu site ser banido.
  • Ligações de hospedagem em páginas Pressel – a mais nova atualização com as diretrizes do Google Webmaster trata links de sites à procura de spam como um aqueles que podem fazer você receber uma penalidade.
  • Comentando em blogs e fóruns com um link para seu próprio site (que não estejam na forma de conteúdo) é spam e pode prejudicar o SEO, especialmente se o lugar onde o link está sendo descartado é totalmente irrelevante para o tema do site vinculado .
  • Artigos de diretórios permitem que os proprietários do site publiquem artigos que incluem um link para seu site. No entanto, a maioria dos diretórios de artigo têm sido duramente atingidos pelas atualizações do algoritmo do Google, o que significa que eles não fornecem links de alta qualidade.

Links fornecidos por estes tipos de sistemas são, geralmente, de baixa qualidade e não vai melhorar o SEO. Eles poderiam até mesmo danificá-lo! Ao invés de tomar uma abordagem de enriquecimento rápido, construa o link building, você precisa fazer um esforço consistente a longo prazo. Seja paciente e deixe que seu conteúdo e outros interessados façam isso por você.

Como Conseguir Links de Qualidade

Conseguir Links de Qualidade

De acordo com as Diretrizes para Webmasters do Google, boas ligações são ligações “naturais”. Isso significa que o seu foco principal deve ser na criação de conteúdo que as pessoas querem, naturalmente, vincular. No entanto, há um par de estratégias de link building que podem ajudar você.

Mídia Social

Links de sites de mídia social para o seu site são muitas vezes “não seguir”, o que significa que eles não têm um impacto direto sobre SEO. No entanto, ter uma presença de marca em mídias sociais pode aumentar o tráfego para seu site e construir sua reputação em geral. Quanto mais visível o seu conteúdo é em mídias sociais, maiores as chances das pessoas compartilhá-lo através de blogs, fóruns, sites de bookmarking social, e outras vias, aumentando naturalmente a qualidade do seu link.

YouTube e Pinterest

Uma forma de atrair tráfego para o seu site é postar vídeos ou imagens de conteúdo no YouTube ou Pinterest. Esses sites têm boa autoridade de domínio, o que significa que classificam bem nos motores de busca, e eles também têm grandes comunidades de usuários que podem descobrir o seu conteúdo.

Criar conteúdo útil e/ou compartilhável, como vídeos tutoriais, e promovê-los em mídia social. Certifique-se de incluir um link para seu site em qualquer descrição do vídeo ou no link anexado à sua imagem Pinterest.

Guest Blogging

Visitante do blog é uma prática em que um blogger oferece para escrever um post no blog de outra pessoa. O post normalmente incluí um link para o site do blogueiro convidado. Os benefícios para o blogueiro convidado é poder ganhar um link de um site no mesmo nicho, enquanto o host do blog ganha conteúdo de alta qualidade gratuitamente.

As duas chaves para o Guest Blogging são relevância e qualidade. Como um blogueiro convidado, você precisa ser exigente sobre o que vai escrever. Você deve ser alvo de blogs de alta qualidade que são altamente relevantes para o seu site, em vez de participar em redes de troca de blog genéricos.

Link Building: Qualidade é rei

Se você está interessado em Guest Blogging, descobra quem são os melhores blogueiros em seu campo e entre em contato com eles diretamente. Tenha cuidado, tente não exagerar. Ser convidado em blogs de grande escala para um propósito de link building também é considerado como uma técnica que viola as regras do Google. Em SEO, os mais lentos são os vencedores.

Quando se trata de link building, questões de qualidade. Não desperdice a construção de laços de tempo de baixa qualidade ou sites independentes. Em vez disso, concentre-se na criação de conteúdo de alta qualidade, divulgando-o em sites diferentes e construindo relacionamentos com os melhores blogueiros em seu nicho.

Estratégia Para Link Building

Link-Building-Strategies

Obviamente, os motores de busca não estão no negócio de entregar segredos da empresa, para que você não seja capaz de encontrar informações detalhadas sobre algoritmo de classificação de um motor de busca. O Link Building, como qualquer outro processo abordado neste guia requer alguns preparativos e, claro, – estratégia. Ela irá ajudá-lo a obter os melhores resultados possíveis, em um tempo relativamente curto e fazer os efeitos serem sustentável.

Quatro grandes estratégias de Link Building

1. Pedido de links de outros sites

Isso inclui falar diretamente com outros blogueiros influentes e proprietários de sites para solicitar que eles conectem algum conteúdo para o seu site. Isso pode ser facilmente realizado com um contato via e-mail com outros proprietários de site e explicar-lhes o que você pode oferecer para eles, como a exposição ao seu público.

2 Crie seus próprios links

Isso muitas vezes inclui a criação de outros sites, blogs e contas de mídia social para que outros possam visitar e, em seguida, ligando para o site. Parte dessa atividade seria considerada para ser natural – por exemplo, a maioria das empresas tem uma conta no Facebook/Twitter com links para seu site. Como dito antes – se você pretende implementar esta técnica, você deve sempre tomar a abordagem de qualidade.

3. Destacando visitantes

Nos últimos anos, a prática de Guest Blogging em outros blogs ou sites dentro de uma indústria, a fim de ligar de volta para um negócio, site principal ou blog foi considerada uma ótima maneira de obter links. No entanto, nos primeiros meses de 2014, esta prática foi descontada e desencorajada pelos motores de busca, se feito em uma escala maciça.

4. Links com autoridade Definida

A obtenção de links de entrada de autoridade não é ciência de foguetes, mas você precisa ter algum tipo de estrutura para que os motores de busca continuem procurando em um link de autoridade. Aqui estão alguns indicadores-chave de um link de entrada de qualidade:

  • O site é relevante para o seu
  • O conteúdo do site é de alta qualidade (não spam ou recheadas com palavras-chave)
  • Você tem algum tipo de relação com o proprietário do site
  • O conteúdo do seu site é valioso para o seu público
  • Eles são vistos como um líder de pensamento em sua indústria

Conclusão: Seja paciente e diligente com sua estratégia de Link Building

É verdade. O Link Building não é complexo, mas também não é fácil. Coleta de ligações adequadas pode levar tempo e diligência para assegurar que apenas os sites de alta qualidade estejam ligando de volta para o seu site.

O Link Building, em poucas palavras, é uma estratégia de longo prazo. Afaste-se de estratégias que garantam o sucesso da noite para o dia por meio de práticas de spam. Estas estratégias de forma rápida podem significativamente prejudicar seus rankings no SERPs. Tenha em mente que o Link Building, em sua essência, é sobre a construção de relacionamentos com outras empresas e sites que você confia.

Como Rastrear o SEO

Como Rastrear o SEO

Se você pode medir, você pode melhorá-lo

Desde a sua criação, o Google Analytics da poderes aos web marketing e negócios com as ferramentas para monitorar e medir o desempenho do motor de busca com facilidade. Quando se trata do jogo de SEO, o sucesso é determinado pelo tráfego, rankings, e conversões de tudo o que pode ser rastreado através de aplicativos baseados em nuvem disponíveis na Internet, como o Google Analytics é uma ferramenta muito boa, mas em termos de SEO é bastante limitado.

Quando seus esforços de marketing de busca são efetivamente controlados, eles podem ser efetivamente melhorados (ou seja, as taxas de retorno mais baixas, aumento do tempo no local, etc).

Vamos dar uma olhada nos fundamentos de rastreamento de SEO e medição de estratégias.

3 Principais Indicadores-chave de Desempenho (KPI)

top-3-seo-kpi

Primeira coisa, o que é um indicador-chave de desempenho? Em termos muito básicos, um KPI (Key Performance Indicator) é uma medida de desempenho. Em relação ao SEO, KPIs são as métricas de desempenho que mais importam. Embora existam vários indicadores de desempenho que são úteis para a compreensão de como melhorar uma estratégia de SEO, existem três principais KPIs que ajudam a garantir o sucesso SEO.

Trafego Orgânico

Este é o que mais se fala sobre KPIs, porque é um sinal de que as pessoas estão prestando atenção para seu produto ou serviço. Mas há muito mais para o tráfego do que apenas números; Esses números, na verdade, tem que significar alguma coisa. Em geral, há dois aspectos do tráfego de entrada que você deve monitorar: Volume (número ou percentagem de visitantes diários / mensais) e de qualidade (o tipo de visitantes).

  • Volume de tráfego: Quando se trata de um grande número de visitantes de entrada, o tráfego orgânico é o santo graal. Para os não iniciados, o tráfego orgânico ocorre quando os usuários são encaminhados para o seu site através de um motor de busca. Sucesso SEO no departamento de volume de tráfego é geralmente indicada pela percentagem de tráfego orgânico que você recebe de motores de busca como Google, Yahoo e Bing.
  • Qualidade de Tráfego: Determinar a qualidade do tráfego é um pouco menos para a frente, já que você deve saber exatamente o que procurar. Algumas das métricas mais comuns para a determinação da qualidade do tráfego incluem: páginas por visita, taxa de rejeição, tempo no local e as taxas de click-through (CTR). Em poucas palavras, a qualidade do tráfego geralmente significa que os visitantes do site estão ficando e engajados em seu site e o consumo de conteúdo que os move através de sua conversão ou funil de vendas.

Ranking SEO

De acordo com o Search Engine Watch, os resultados orgânicos de busca na primeira página do Google podem obter até 92% do tráfego, em oposição a míseros 18% se o seu site acabar na próxima página.

Tradução? Rankings de palavras-chave ainda são importantes. Melhorar a sua classificação não é, necessariamente, a ciência de foguetes, mas é preciso um pouco de classe para obter este direito. Seja paciente na sua busca de classificações mais elevadas do Search Engine. Ele vai pagar no longo prazo e vai valer muito todo o esforço.

Conversões

Este é o “porquê” por trás de sua estratégia de SEO. Toda otimização de busca tem, ou pelo menos deveria ter objetivos claros, definidos que podem ser medidos. Quando esses objetivos são alcançados, isso é chamado de “conversão”.

Além disso, a conversão nem sempre tem de significar uma transação monetária. Em muitos casos, a conversão é algo tão simples como um boletim de subscrição, ou um download de documentos. Em qualquer caso, as conversões do site pode e deve ser monitorado com sua ferramenta de análise.

Conclusão: Acompanhe Tudo

Acompanhamento de SEO é toda sobre dados. Quanto mais dados você tem à sua disposição, mais conhecimento você terá que ter para fazer um grande impacto em seu público. Isso significa que você pode controlar praticamente qualquer atividade através de seu painel analytics. Isso inclui tudo, desde o social, ao engajamento de mídia para exibir anúncios click-through para transmissões de vídeo em seu site. A chave é entender que o desempenho de indicadores realmente importa.

Google Analytics Para SEO

Google Analytics (GA) é um componente importante de rastreamento SEO. Em poucas palavras, com pouco ou nenhum conhecimento técnico, você pode acompanhar, monitorar e medir praticamente qualquer atividade concluída em seu site.

Você precisa controlar os visitantes do site diariamente? Quer acompanhar quantas vezes seu novo “papel de parede” foi baixado? Como sobre o período de tempo que cada visitante gasta em uma página de destino? Você pode acompanhar tudo isso e muito, muito mais à direita no painel do GA.

Em outras palavras, GA ajuda você a trazer o sentido de dados acionáveis do seu site de uma forma que ajuda a melhorar a eficácia do seu site.

Porque as empresas e Blogs Escolhem o Google Analytics

Para começar, o preço é justo em torno de zero dólares. Além disso, é desenvolvido, com curadoria e gerida pelas pessoas que trabalham no maior motor de busca e mais inovador do mundo.

Além disso, GA ainda reina supremamente como a ferramenta de análise mais utilizado. Agora, vamos dar uma olhada em quatro capacidades que ajudarão você a levar suas análises de SEO para o próximo nível.

Monitoramento de Tráfego Orgânico

Monitorar o tráfego orgânico é uma parte normal da rotina diária de um profissional de SEO. Com técnica e recursos embutidos, GA ajuda você a minar o trafego a partir de dados da pesquisa biológica.

Como monitorar a busca orgânica de dados

Com a atualização mais recente do GA, monitorar o tráfego orgânico é uma moleza. Basta fazer login no GA, vá para o menu de navegação à esquerda e selecione “Fontes de tráfego”. Em seguida, clique no menu “Pesquisar” drop-down, e clique em “Orgânico”. Aqui você verá uma lista de palavras-chave referentes ao tráfego orgânico para o seu site. Você pode ver informações detalhadas sobre cada remessa, palavra-chave (número de visitas, tempo no site e as páginas por visita).

“Não Fornecida” Rastreamento de palavras-chave

O que é uma palavra-chave “Não Fornecida”? Bem, vamos proporcionar um pouco de contexto.

No final de 2011, o Google anunciou que iria começar a criptografia de termos-chave usados em pesquisas seguras. Por exemplo, se você seguir o processo de monitoramento de tráfego orgânico acima, você pode encontrar “não fornecidos” listado como um referencial de palavras-chave.

Isto significa que estas pesquisas foram realizadas em busca segura. Essa é a má notícia. A boa notícia é que você ainda pode aproveitar esses dados no Google Webmaster Tools. A desvantagem é que você só pode ver os primeiros 1.000 resultados de busca orgânica.

Grupo de Conteúdo

No GA, você pode monitorar o desempenho de aspectos específicos do seu site com um recurso chamado Agrupamento de conteúdo. Por exemplo, se você executar um grande site de varejo de vestuário, você pode agrupar os elementos do site, juntamente com foco somente em vestuário masculino ou feminino.

Isso permite que você visualize as métricas de desempenho específicos com base nesse aspecto específico do seu site. A única desvantagem desse recurso é que o Google só permite criar cinco agrupamentos de conteúdo por site.

Conclusão

Está bem estabelecido que o GA é uma ferramenta muito valiosa. Uma grande parte do valor inerente do GA está na capacidade de customização de profundidade. Se você está personalizando seus próprios relatórios de análise ou suas configurações de painel, GA fornece uma grande quantidade de controle sobre o processo de coleta de dados.

Obviamente, se você passou algum tempo com o painel de instrumentos, isto é apenas a ponta do iceberg. GA vem construído com personalizações profundas que permitem a melhoria das capacidades de monitoramento do motor de busca e pode ajudá-lo a aprender como controlar o seu SEO. Aprenda a aproveitar o poder do GA para impulsionar seus esforços de SEO atuais e futuras.

Esperamos que você tenha gostado do artigo e que esteja bem mais afiado quando se trata de SEO. Se você achou que este artigo lhe foi útil considere compartilhar nas redes sociais. Se você tem informações ou opiniões que deseja compartilhar conosco deixe nos comentários.

Fonte: canalwp.com

Share this post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *